Artes, perenidade, novidade e memória sob Augusto

Paulo Martins

Resumo


Este artigo opera a relação entre a arte plástica produzida, a partir do culto imperial de Otávio Augusto, e as tópicas da perenidade e da novidade observadas pela poesia augustana. Essa arte plástica, que era útil ao serviço de Augusto, opera imortalidade e memória do princeps. A poesia não só reverbera a poesia grega antiga e helenística como também é dependente daquela produzida pelos poetae noui. O novo estilo plástico, por sua vez, distancia-se da arte plástica republicana e aproxima-se daquela produzida na Grécia clássica e helenística. O trabalho também se ocupa da compreensão de como a imagem do poeta, agente de sua arte, interage com a figura imortal de Augusto, agente da imortalidade da urbs, de sua arquitetura e de seus lugares sagrados.


Palavras-chave


Perenidade; novidade; simulacrum; poesia augustana; culto imperial.

Texto completo:

PDF

Referências


ACCHAR, F. Lírica e Lugar-Comum. São Paulo: Edusp, 1994.

BEARD, M. The Roman Triumph. Cambridge, Mass & London: The Belknap Press of Harvard University Press, 2007.

GALINSKY, K. Augustan Culture. Princeton: Princeton University Press, 1996.

HALBWACHS, M. La Mémoire Collective. Préface de Jean Duvignaud. Paris: Presses Universitaires de France, 1968.

MARTINS, P. Augusto como Mercúrio enfim. Revista de História, v. 176, p. 1-43, 2017a. doi: doi.org/10.11606/issn.2316-9141.rh.2017.116333

MARTINS, P. Texto e imagem: História. Como se faz a História sob(re) Otávio/Augusto. In: SILVA, Glaydson J.; SILVA, M. A. O. (org.). A ideia de História na Antiguidade Clássica. São Paulo: Alameda & FAPESP, p. 437-468, 2017b.

MARTINS, P. Tum longas condimus iliadas: a Helena de Propércio, Archai, v. 21, 2017c. DOI: 10.14195/1984-249X_

MARTINS, P. Os Romanos, o direito, a imagem e a morte. In: FAVERSANI, F.; JOLY, F. As formas do império romano. Ouro Preto: Edufop. p. 81-94, 2014a.

MARTINS, P. Vertentes do Retrato Romano no final da República e no início do Principado. Cad. Pesq. Cdhis, Uberlândia, v. 27 n. 2, p. 13-38, jul./dez. 2014b.

MARTINS, P. Pictura Loquens, Poesis Tacens. Limites da Representação. 2013. Tese (Livre-docência) – Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas de Universidade de São Paulo, 2013a.

MARTINS, P. Constructing Cicero. Nuntius Antiquus, v. 9, n. 2, p. 221-237, 2013b. doi: doi.org/10.17851/1983-3636.9.2.221-237

MARTINS, P. Imagem e Poder. Considerações sobre as representações de Otávio Augusto. São Paulo: EDUSP, 2011.

MARTINS, P. Vt Pictura Rhetorica. Revista USP, 91, p. 104-111, 2011. doi: https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.v0i91p104-111

MARTINS, P.; AMATO, R. S. S. Imagens antigas retoricamente referenciadas. In: MUHANA, A.; LAUDANNA, M.; BAGOLIN, L.A. (org.). Retórica. São Paulo: IEB-USP & Annablume, 2012, p. 125-58.

NISBET, R. G. M.; HUBBARD, M. A Commentary on Horace Odes: Book 1. Oxford: Clarendon Press, 1970.

POLLITT, J. J. The Art of Rome c. 753B.C. – A.D. 337. Sources and Documents. Cambridge: Cambridge University Press, 1998.

RAMAGE, N.H.; RAMAGE, A. Roman Art. New Jersey: Pearson, 1991.

RUIZ, M. P. El culto en la casa romana. In: Anales de Prehistoria y Arqueología, v. 23-24, p. 199-229, 2008.

SALLES, C. L’Antiquité Romaine. Paris: Larousse, 1993.

SHAYA, J. The Public Life of Monuments: The Summi Viri of the Forum of Augustus. American Journal of Archaeology, v. 117, n. 1, p. 83-110, 2013. doi: doi:10.3764/aja.117.1.0083.

STEWART, P. Statues in Roman Society. Representation and Response. Oxford: Oxford University Press, 2003.

TAYLOR, L. R. The Divinity of the Roman Emperor. American Philological Association, 1931; repr. Arno Press, 1975.

TRIMBLE, J. Corpore enormi. The Rethoric of Physical Appearance in Suetonius and Imperial Portrait Statuary. In: ELSNER, J.; MEYER, M. Art and Rethoric in Roman Culture. Cambridge: Cambridge University Press, p. 115-154, 2014.

TURCAN, R. L’Art Romain. Paris: Flamarion, 1995.

WALKER, S. Roman Art. British Museum. Cambridge, Mass.: Harvard University Press, 1991.

ZANKER, P. The Power of the Images in the Age of Augustus. Ann Harbor: The University of Michigan Press, 1990.




DOI: https://doi.org/10.24277/classica.v33i2.949

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Paulo Martins

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.