Os túmulos circulares de Mesara: considerações sobre os aspectos sociais

Álvaro Hashizume Allegrette

Resumo


Os túmulos circulares minóicos da planície de Mesara foram analisados aqui, visando a identificação de caracteres sociais das populações do Minóico Antigo I-II. Tal investigação mostrou que neste período houve a transição de núcleos agro-pastoris autônomos e relativamente isolados para comunidades de economia diversificada subordinadas a uma liderança única regional. Utilizando as evidências presentes nos padrões de distribuição e construção dos túmulos, bem como na composição do mobiliário funerário, observa-se a alteração de elementos e a incorporação de novas produções resultantes dessa nova ordem social.


Palavras-chave


Creta, civilização minóica, túmulos circulares, Mesara, Idade do Bronze, práticas funerárias.

Texto completo:

PDF

Referências


BELLI, P. Nuovi documenti per lo studio delle tombe circolari cretesi. Studi Micenei ed Egeo-Anatolici, Roma, v. 25, p. 91-142, 1984.

BLASINGHAM, A. C. The seals from the tombs of Mesara: inferences as to kinship and social organization. In KRZYSZKOWSKA, O. H.; NIXON, L. (Ed.). Minoan Society. Proceedings of the Cambridge Colloquium 1981. Bristol: Bristol University Press, 1983. p. 11-22.

BRANIGAN, K. The Tombs of Mesara. London: Duckworth & Sons, 1970. p. 182.

BRANIGAN, K. Early Minoan society: the evidence of the Mesara tholoi reviewed. In: Aux Origines de l’Hellenisme: Hommages A Henri van Effenterre. Paris: Sorbonne, 1984. p. 29-37.

BRANIGAN, K. Ritual interference with human bones in the Mesara tholoi. In: LAFFINEUR, R. (Ed.). Thanatos. Les Coutumes Funéraires en Égée à l’Âge du Bronze. Liège: Université de l’État à Liège, 1987. p. 43-51 (s. AEGAEUM 1).

KRZVSKOWSKA, O. H. Wealth and prosperity in pre-palatial Crete: the case of ivory. In: KRZVSZKOWSKA, O. H.; NIXON, L. (Ed.). Minoan Society. Proceedings of the Cambridge Colloquium 1981. Bristol: Bristol University Press, 1983, p. 163-170.

PETIT, F. Les tombes circulaires de la Mesara: problèmes d’interprétation des pièces annexes. In: LAFFINEUR, R. (Ed.). Thanatos. Les Coutumes Funéraires en Égée à l’Âge du Bronze. Liège: Université de l’État à Liège, 1987. p. 35-42. (s. AEGAEUM 1).




DOI: https://doi.org/10.24277/classica.v0i0.791

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Álvaro Hashizume Allegrette

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

 Classica está licenciada sob a Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional