Os procedimentos classificatórios das religiões greco-orientais

Paulo Gabriel Hilu da Rocha Pinto

Resumo


Os cultos greco-orientais que floresceram entre os séculos I e IV a. d. procuravam organizar o universo a partir de seus próprios sistemas classificatórios. Os procedimentos classificatórios utilizados em relação a outros sistemas de crenças serão estudados aqui como estratégias de estruturação de agentes sociais e da própria realidade.

Palavras-chave


História Romana; Paganismo Greco-Oriental; Sincretismo; Sistemas de Crenças; Religião Romana.

Texto completo:

PDF

Referências


APULEIO. L’Âne d’Or. Tradução de Pierre Grimal. Paris: Gallimard, 1975.

APULEIO. Oeuvres Completes d’Apullée. Tradução de Victor Betolaud. Paris: Frères Garnier, [s. d.].

BENVENISTE, E. Le Vocabulaire des Institutions Indo-Européennes. Paris: Les Éditions de Minuit, 1969.

BOURDIEU, P. A Economia das Trocas Simbó1icas. Tradução de Sérgio Micel. São Paulo: Perspectiva, 1987.

BURKERT, W. Antigos Cultos de Mistério. Tradução de Denise Bottman. São Paulo: Edusp, 1992.

CHUVIN, P. Chronique des Derniers Païens. Paris: Les Belles Lettres; Fayard, 1990.

CÍCERO. Das Leis. Tradução de Otávio de Brito. São Paulo: Cultrix, 1967.

CÍCERO. De la Nature des Dieux. Tradução de M. Matter. Paris: Panckoucke, 1830.

DEMÓSTENES. Oração da Coroa. In: Eloquência Grega e Latina. Tradução de Jaime Bruna. São Paulo: Cultrix, 1968.

DODDS, E. R. Os Gregos e o Irracional. Tradução de Leonor S. B. de Carvalho. Lisboa: Gradiva, 1988.

DUMÉZIL, G. La Religion Romaine Archaique. Paris: Payot, 1966.

DUNANO, F. Le Syncrétisme Islaque à la Fin de l’Époque Hellenistique. In: Les Syncrétismes dans les Religions Grecque et Romaine. Paris: Presses Universitaires de France, 1973. p. 79-93.

DURKHEIM, E. As Formas Elementares de Vida Religiosa. São Paulo: Paulinas, 1989.

EURÍPIDES. As Bacantes. Tradução de Fernando Melro. Lisboa: Inquérito, [s.d.].

FRAZER, J. G. La Rama Dorada. Tradução de Elizabeth e Tadeu Campuzano. México: F.C.E., 1974

GRIMAL, P. A Civilização Romana. Tradução de Isabel St. Aubyn. Lisboa: Ed.70, 1988.

HISTÓRIA DA VIDA PRIVADA 1. Tradução de Armando L. C. Homem. Lisboa: Afrontamento, 1989.

LÉVÊUE, P. Essai de typologie des Syncrétismes. In: Les Syncrétismes dans les Religions Grecque et Romaine. Paris: Presses Universitaires de France, 1973.

LUCRÉCIO. Da Natureza. Tradução de Agostinho da Silva. São Paulo: Nova Cultural, 1988, (Col. Os Pensadores). •

MARCO AURÉLIO. Tradução de Jaime Bruna. São Paulo: Cultrix, 1989.

MAUSS, M. Ensaios de Sociologia. Tradução de Luiz J. Gaio e J. Guinsburg. São Paulo: Perspectiva, 1981.

MOMIGLIANO, A. Os Limites da Helenização. Tradução de Cláudia Martinelli Gama. Rio de Janeiro: Zahar, 1991.

OVÍDIO. As Metamorfoses. Tradução de David J. Júnior. Rio de Janeiro: Tecnoprint, 1983.

PETRÔNIO. Satirycon. Tradução de Paulo Leminski, São Paulo: Brasiliense, 1987.

RES GESTAE DIVI AUGUSTI. Oxford: Oxford University Press, 1986.

SANTO AGOSTINHO. A Cidade de Deus. Tradução de Oscar Paes Leme. Petrópolis: Vozes, 1990, v.1.

SCHEID, J. Religion et Piété à Rome. Paris: La Découverte, 1985.

SÊNECA. Apocoloquintose do Divino Cláudio. Tradução de Agostinho da Silva. São Paulo: Nova Cultural, 1988. (Col. Os Pensadores).

SÊNECA. Consolação a Minha Mãe Hélvia. Tradução de Agostinho da Silva. São Paulo: Nova Cultural, 1988. (Col. Os Pensadores).

TURCAN, R. Les Cultes Orientaux dans le Monde Romain. Paris: Les Belles Lettres, 1989.

VERNANT, P. La Grèce Ancienne et Étude Comparée des Religions. Archives des Sciences Sociales des Religions, Paris, n. 41, p. 5-25, 1976.

VEYNE, P. Le Pain et le Cirque. Paris: Seuil, 1976.




DOI: https://doi.org/10.24277/classica.v0i0.777

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Paulo Gabriel Hilu da Rocha Pinto

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

 Classica está licenciada sob a Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional