El discurso persuasivo en Teócrito XI

Patricia Mabel Saconi

Resumo


O presente trabalho apresenta a análise do Idílio XI de Teócrito desde a perspectiva da retórica aplicada à epístola poética, onde Polifemo desenvolve um discurso pronunciado na solidão, convertendo-se no destinatário da própria intenção persuasiva.


Texto completo:

PDF (Español (Argentina))

Referências


ALSINA, J. Nota a Teócrito (XI 13). Emérita XXXII, 1964.

ARISTOTELES. Retórica. Madrid: Insitutos de Estudios Politicos, 1971. Ed. bilíngue.

BARIGAZZI, A. Una presunta aporia nel c. 11 di Teocrito. Hermes, v. 103, n. 2, 1975.

BARTHES, R. Investigaciones retóricas. Barcelona: Ediciones Buenos Aires, 1982.

BUCOLIQUES GRECS. Ed. Legrand Ph. Paris: Les Belles Lettres, 1925. 2 v. Ed. bilíngue.

DÜBNER. Scholia in Theocritum Parisiis. Editore Ambrosio Firmin-Didot, 1878.

POETAE LYRICI GRAECI. Ed. Bergk, Upsiae, 1880.

THEOCRITUS. edited with a Translation and Commentary. Ed. Gow A.S.F. Cambridge: Univ. Press, 1952. 2 v. Ed. bilíngue.

VIGNAUX, G. La argumentación, ensayo de 1ógica discursiva. Buenos Aires: Hachette, 1986.




DOI: https://doi.org/10.24277/classica.v0i0.765

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Patricia Mabel Saconi

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

 Classica está licenciada sob a Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional