Erotiká gnorísmata: o reconhecimento do amado em Heliodoro

Autores

  • Adriane da Silva Duarte Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.14195/2176-6436_24_7

Palavras-chave:

Romance grego, Heliodoro, As Etiópicas, cenas de reconhecimento, Odisseia, Helena.

Resumo

As Etiópicas ou Teágenes e Caricleia, de Heliodoro, tem como referência central a Odisseia homérica e, portanto, não poderia deixar de explorar as cenas de reconhecimento. Interessa-me estabelecer como Heliodoro trata o reconhecimento do amado após longa separação. Na Odisseia, Penélope declara a existência de “sinais secretos” (semata kekrummena, XXIIII, 110) pelos quais ela e Odisseu poderiam se reconhecer. Helena, na tragédia homônima de Eurípides, também alude a symbola que somente ela e Menelau compartilham (v. 291). Em Heliodoro (Etiópicas, V, 5, 1-3), Teágenes propõe a Caricleia que elejam sinais que lhes permitam reconhecerem-se caso venham a se separar. Pretendo examinar como Heliodoro dialoga com a tradição, adaptando o motivo às necessidades de sua narrativa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriane da Silva Duarte, Universidade de São Paulo

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

Referências

EURIPIDES. Helen, Phoenician Women, Orestes. Edited and translated by David Kovacs. Cambridge, MA: Harvard University Press, 2002.

HELIODORE. Les Éthiopiques (Théagène et Chariclée). Editado por R. M. Rattenbury e T. W. Lumb. Paris: Les Belles Lettres, 1960.

HOMER. The Odyssey. Edited by G. P. Goold. Cambridge, MA: Harvard University Press, 1984.

HOMERO. Odisseia. Tradução de Carlos Alberto Nunes. Rio de Janeiro, Ediouro, 1997.

KATZ, M. Penelope’s renown. Meaning and indeterminacy in the Odyssey. Princeton: Princeton University Press, 1991.

MORALES, H. Sexuality. In: WHITMARSH, T. (Ed.). The Cambridge Companion to the Greek Novel. Cambridge: Cambridge University Press, 2008.

MORGAN, J.; HARRISON, S. Intertextuality. In: WHITMARSH, T. (Ed.). The Cambridge Companion to the Greek Novel. Cambridge: Cambridge University Press, 2008.

MURNAGHAN, S. Disguise and recognition in the Odyssey. Princeton: Princeton University Press, 1984.

Downloads

Publicado

02-09-2011

Como Citar

Duarte, A. da S. (2011). Erotiká gnorísmata: o reconhecimento do amado em Heliodoro. Classica - Revista Brasileira De Estudos Clássicos, 24(1/2), 103–112. https://doi.org/10.14195/2176-6436_24_7

Edição

Seção

Artigos