Declamation and Philosophy

Autores

  • Michael Winterbottom University of Oxford

DOI:

https://doi.org/10.24277/classica.v19i1.105

Palavras-chave:

Educação, Declamação, Cícero, Filostrato, Primeira Sofística, Segunda Sofística.

Resumo

Cícero estava ansioso para promover uma reconciliação entre a oratória e a filosofia que, pensava ele, estavam separadas uma da outra desde os tempos de Platão. Ele imaginava que um orador deveria ser capaz de falar sobre questões abstratas e de mover-se livremente entre o geral e o particular, e que o treinamento na oratória deveria ter alguma fundamentação na filosofia. Este ensaio argumenta que a educação retórica que floresceu depois de Platão levou esses pontos em consideração, e que na Segunda Sofística, como na Primeira, era possível a um único homem ser orador e também filósofo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Michael Winterbottom, University of Oxford




Referências

MAY, James M. (Ed.). Brill's Companion to Cicero: Oratory and Rhetoric. Leiden: Brill, 2002. (Brill's Companions in Classical Studies)

Downloads

Publicado

27-07-2006

Como Citar

Winterbottom, M. (2006). Declamation and Philosophy. Classica - Revista Brasileira De Estudos Clássicos, 19(1), 74–82. https://doi.org/10.24277/classica.v19i1.105

Edição

Seção

Artigos